Arquivo da tag: Linux

How can I see the size of files and directories in linux?

https://stackoverflow.com/questions/11720079/how-can-i-see-the-size-of-files-and-directories-in-linux


There is also a great ncdu utility – it can show directory size with detailed info about subfolders and files.

Installation

Ubuntu:

$ sudo apt-get install ncdu

Usage

Just type ncdu [path] in the command line. After a few seconds for analyzing the path, you will see something like this:

$ ncdu 1.11 ~ Use the arrow keys to navigate, press ? for help
--- / ---------------------------------------------------------
.  96,1 GiB [##########] /home
.  17,7 GiB [#         ] /usr
.   4,5 GiB [          ] /var
    1,1 GiB [          ] /lib
  732,1 MiB [          ] /opt
. 275,6 MiB [          ] /boot
  198,0 MiB [          ] /storage
. 153,5 MiB [          ] /run
.  16,6 MiB [          ] /etc
   13,5 MiB [          ] /bin
   11,3 MiB [          ] /sbin
.   8,8 MiB [          ] /tmp
.   2,2 MiB [          ] /dev
!  16,0 KiB [          ] /lost+found
    8,0 KiB [          ] /media
    8,0 KiB [          ] /snap
    4,0 KiB [          ] /lib64
e   4,0 KiB [          ] /srv
!   4,0 KiB [          ] /root
e   4,0 KiB [          ] /mnt
e   4,0 KiB [          ] /cdrom
.   0,0   B [          ] /proc
.   0,0   B [          ] /sys
@   0,0   B [          ]  initrd.img.old
@   0,0   B [          ]  initrd.img
@   0,0   B [          ]  vmlinuz.old
@   0,0   B [          ]  vmlinuz

Delete the currently highlighted element with d, exit with CTRL + c

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Certificação Linux LPIC-1

Nota: 9

Resumo:

Conhecer Linux já não é mais um diferencial; é obrigação. A cada dia, empresas buscam profissionais com conhecimento em Linux para administrar e operar seus servidores e datacenters. A implementação de sistemas Linux e de software livre em grandes corporações vem crescendo, e consequentemente a busca por profissionais qualificados que saibam operar e administrar essas redes também aumenta. A certificação Linux LPI (Linux Professional Institute) é uma das principais certificações que um profissional Linux pode agregar ao seu currículo.

A certificação LPI divide o conteúdo de suas provas em três certificações: LPIC 1, 2 e 3. As certificações LPIC-1 e LPIC-2 são divididas em dois subexames: LPIC-101 e LPIC-102 (juntas formam a certificação LPIC-1) e LPIC-201 e LPIC-202 (juntas formam a certificação LPIC-2). A certificação LPIC-3 é um exame mais específico; o candidato deve ser aprovado em pelo menos um dos três exames: LPIC-300 (ambiente misto), LPIC-303 (segurança) ou LPIC-304 (virtualização e alta disponibilidade). Para obter a certificação LPIC-3, o candidato deve ter a LPIC-2 e LPIC-1; para obter a LPIC-2, o candidato deve ter a LPIC-1; a certificação LPIC-1 não tem pré-requisitos.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Linux listar portas liberadas

STATUS NETWORK

Podemos ver as conexões abertas através do comando netstat. O mesmo é um programa de estatísticas de rede utilizado amplamente para este fim. Não tem muitos segredos e as informações que ele mostra são muito legíveis. Alguém percebeu a similaridade com um outro arquivo no modo que as informações aparecem? 🙂

# netstat -tl – lista as conexões abertas de tcp em modo de escuta
# netstat -t – lista as conexões tcp estabelecidas
# netstat -p – lista os programas que estão usando a conexão
# netstat –numeric-ports – não converte o número da porta para ser listado
# netstat –numeric-hosts – não converte o número de ip para nome do host

Comando que resolveu meu problema:

# netstat -t -l -p –numeric-ports

Share and Enjoy !

0Shares
0 0